Pós-Modernismo: A Revolução do Mundo!

quinta-feira, dezembro 08, 2016


(LAWRENCE MAXIMO)

O mundo detesta mudanças e, no entanto, é a única coisa que traz progresso” (Charles F. Kettering).

Em um mundo pós-moderno, a tônica hodierna e assustadora é a tecnologia com seus avanços e progressos, atingindo o mundo como um meteoro. Essa é a nossa realidade, mudanças constantes e redefinições. Países fechados como Coréia do Norte e Irã enfrentando sérios problemas com a globalização, sabe por quê? Pessoas estão cada vez mais conectadas com o mundo, ainda que seja dentro do próprio quarto! Um resumo genial sobre a temática com o Nobel e mestre peruano¹:

“Porque, é verdade, o mundo de antigamente é diferente do mundo de hoje. Graças à globalização e à grande revolução tecnológica do nosso tempo, a vida de todas as nações se encontra hoje em redefinição, experimentando desafios e oportunidades totalmente inéditos que remexem os alicerces de velhas nações como a Grã-Bretanha e os Estados Unidos, que acreditavam ser inamovíveis em seu poderio e riqueza, uma situação que abriu para outras sociedades – mais audaciosas, mais na vanguarda da modernidade – a possibilidade de crescer a passos de gigante e alcançar e superar as grandes potências de antigamente. Esse novo panorama significa, simplesmente, que o mundo dos nossos dias é mais justo, ou, se quiser, menos injusto, menos provinciano, menos exclusivista, do que o mundo de ontem. Hoje os países precisam se renovar e se recriar constantemente para não ficarem para trás. Este mundo novo exige que se arrisque mais, que se reinvente sem cessar, que se trabalhe muito, que se impregne de boa formação, e que não fiquemos olhando para trás ou nos deixando levar pela nostalgia do passado. Este é irrecuperável, como logo irão descobrir aqueles que votaram pelo Brexit e em Trump. Não demorarão para perceber que quem vive olhando para trás se transforma em estátua de sal, como na parábola bíblica”².

Você e eu fazemos parte desse contexto, “o tempo não para” já dizia o poeta³. Lembro-me de uma frase:

Você tem que ser o espelho da mudança que está propondo. Se eu quero mudar o mundo, tenho que começar por mim” (Mahatma Gandhi)

Fonte
[1] - Nobel Peruano (Mario Vargas Llosa)
[2] - Texto El País
[3] - Cazuza - O Tempo Não Para


You Might Also Like

0 comentários

Follow by Email